Hospital de Trauma confirma morte encefálica de pedreiro atropelado por casal em Quadramares

A família do pedreiro Valmir Pedro de Brito, de 43 anos, atropelado numa ciclofaixa no início da manhã de ontem (1º), em Quadramares, recebeu no início da tarde desta quinta-feira, 2, a informação repassada pelo Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, de que o ciclista teve morte encefálica confirmada.

O advogado da família, Diego Lima, informou que mesmo enfrentando um momento de extrema dor pela perda precoce de Valmir, seus parentes estão analisando a possibilidade de autorizar a doação de órgãos.

Valmir estava internado na área vermelha e foi transferido hoje de manhã para a Unidade de Terapia Intensiva.


No Banner to display