‘A quem eu desagradei, também não agradou à Paraíba’, desabafou João Azevêdo sobre ex-aliados

Na noite dessa segunda-feira (13), durante o programa Conexão Master, da TV Master, apresentado por Alex Filho, o governador João  Azevêdo (sem partido), mandou um recado aos paraibanos, destacando os seus 1.119.758 eleitores que o fizeram chefe do Poder Executivo da Paraíba.

É fato que os laços entre o atual governador e o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) se desfizeram. Mesmo sem cintar nomes, João afirmou que no primeiro ano de sua gestão, ações e ideias executadas por ele, desagradaram muita gente, como ex-aliados, mas que tudo foi feito em prol do crescimento da Paraíba.

Azevêdo desabafou: “Muita coisa aconteceu em 2019, e eu tenho certeza que as decisões que tomei fizeram este Estado melhorar e andar para frente. Eu sei que em muitas vezes as decisões não agradaram a todo mundo, e nem eu esperava que isso acontecesse”.

“Fazer o meu papel, exercer a minha atividade e missão enquanto governador, esse é o meu compromisso com o povo da Paraíba. É isso que vou buscar sempre. Não vou permitir, de forma nenhuma, que este Estado perca ou retroceda no seu desenvolvimento. Fazer isso é a minha obrigação de cada dia. Trabalhar faz parte do meu dia a dia, eu não tenho receio do trabalho. A mim compete gerir este Estado, doa em quem doer”, explicou João sobre o compromisso com à Paraíba.

Nos minutos finais da entrevista, o governador se despede, agradecendo, mas na ocasião fez outro desabafo. “A quem eu desagradei, também não agradou o povo da Paraíba, então eu não tenho essa preocupação de ficar olhando pelo retrovisor. Eu tenho a visão de que este Estado caminha de forma célere para uma condição, cada vez mais, melhor de desenvolvimento”, confessou.

Assista na íntegra ao programa Conexão Master.

Nadicelle Bonifácio com Diário da Paraíba

 

 

Compartilhe:

No Banner to display


Deixe o seu comentário