De virada fora de casa, Vasco vence Atlético Mineiro e sobe na tabela

Foi da forma mais cruel possível. Aos 48 minutos do segundo tempo, quando tentava pressionar para conseguir a segunda vitória consecutiva no Campeonato Brasileiro, o Atlético de Minas Gerais levou a virada do Vasco da Gama.

Foi o estopim da revolta dos pouco mais de 10 mil torcedores que foram ao Independência na noite desta quarta-feira (2) e acompanharam o revés dos donos da casa por 2 a 1, em partida adiada da 21ª rodada.

Otero abriu o placar para o Atlético já no segundo tempo, aos 14 minutos. Na saída de bola, o Vasco conseguiu empatar, com Rossi, que cobrou pênalti cometido por Patric em Marrony. E o lateral-direito, que vivia bom momento e parecia enfim ter conquistado a torcida, voltou a falhar no gol da virada. Já no finalzinho, ele não conseguiu cortar cruzamento. A bola, então, chegou a Marcos Júnior, que dominou, finalizou firme e venceu Cleiton.

Com o resultado, o Atlético estacionou na 10ª posição, com 30 pontos – sete a menos que o Bahia, primeiro time do G6. Já o Vasco chega aos 27 pontos, na 13ª posição, e ganha ânimo na disputa pela parte de cima da tabela.

As equipes voltam a campo no fim de semana, pela 23ª rodada da Série A. E terão pedreiras pela frente. No sábado, às 17h, o Vasco recebe o terceiro colocado, o Santos, em São Januário. No dia seguinte, às 16h, o Atlético visita o vice-líder Palmeiras, no Allianz Parque.

Diário da Paraíba com Super Esportes

Compartilhe:

No Banner to display


Deixe o seu comentário