PSB aguarda contato de Ricardo com pedido de licença

O ex-governador Ricardo Coutinho, alvo de um mandado de prisão na sétima fase da Operação Calvário, ainda não fez contato com a cúpula nacional do PSB.

Lideranças do partido revelaram que o clima é de constrangimento em Brasília. Membros da Fundação João Mangabeira, braço do PSB, presidida por Coutinho, querem o afastamento imediato do paraibano.

Eles ainda esperam que Ricardo faça contato e, espontaneamente, peça licença da legenda. Além de presidente da Fundação João Mangabeira, Coutinho preside o PSB na Paraíba.

Diário da Paraíba com MaisPB