Modelo troca a Igreja pelos holofotes para seguir carreira; veja fotos

Na contramão de muitas modelos, que deixam a carreira artística para servirem a igrejas, a musa fitness Adriana Santiago decidiu abandonar sua vida evangélica para mergulhar nesse universo de fotos, gravações e flashes.

Em entrevista ao Super Pop, programa da RedeTV!, ela contou que sofreu preconceito e resolveu dar um novo rumo para a sua vida e carreira.

“Sempre frequentei os cultos porque me fazia bem. Sou uma pessoa de fé e minha família também, mas decidi deixar a igreja porque me sentia excluída. Os olhares de julgamento me deixavam para baixo, em depressão. Eu entrava na igreja e as pessoas me olhavam com cara de reprovação. Tudo porque trabalho com a minha imagem e faço fotos sensuais. A igreja, que deveria me amparar e apoiar, foi cruel comigo”, conta.

Adriana se sentiu ainda mais humilhada quando anunciou que desfilaria como musa no Carnaval de São Paulo. Criticada por outros evangélicos, principalmente nas redes sociais, ela decidiu dar um basta e seguir com o projeto no samba. Foi então que ela assumiu o posto na escola de samba Colorado do Brás.

“Uma coisa é a igreja é ter regras, outra é segregar e excluir pessoas de bem. Me senti mal e manipulada. Mas em momento algum pensei em desistir da minha carreira de modelo para me ‘vender’ à igreja. Sou jovem, tenho planos e sonhos. O Carnaval veio parar coroar uma fase de superação, porque fiquei muito mal assim que abandonei a igreja. Esse sentimento de exclusão é inexplicável”, diz.

Disposta a dar um novo rumo para a sua vida, Adriana agora quer conversar e inspirar outras mulheres, mostrando que é possível conquistar seus objetivos custe o que custar. “Minha missão é empoderar a mulher por meio das redes sociais”, garante a modelo que perdeu 20kg sem cirurgias e também mostra seu dia a dia saudável. “A ideia é mostrar que podemos realizar todos os sonhos”.

Diário da Paraíba com PH

Compartilhe:

No Banner to display


Deixe o seu comentário