Daniella Ribeiro busca recursos para ampliar Parque Tecnológico da Paraíba

A senadora Daniella Ribeiro, líder do Progressistas no Senado, esteve, nesta manhã, com técnicos do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicação (MCTIC) para tratar de investimentos no Parque Tecnológico da Paraíba. O secretário executivo do ministério, Julio Semeghini e a equipe técnica discutiram com a senadora formas de incrementar as parcerias já existentes para o desenvolvimento de projetos e ampliação do parque.

O secretário de Ciência e Tecnologia de Campina Grande, Lucas Ribeiro, também participou da reunião. A diretora-técnica da Fundação Parque Tecnológico da Paraíba, Nadja Maria da Silva, e outros diretores do parque participaram da conversa por vídeo conferência. Ficou acertado que na próxima quarta-feira (09) todos estarão em Brasília para definir os locais para onde serão direcionados os investimentos e como poderão ser apresentadas as emendas parlamentares com destinação de recursos para o parque.

O secretário Lucas destacou que “essa infraestrutura do parque é o que precisamos para atrair mais empresas e dar oportunidade de trabalho a pessoas que geralmente têm precisado sair de Campina para conseguir. Além disso, fortalece o ambiente de inovação de Campina Grande”.

Durante a reunião, a senadora também tratou das formas de investimentos na conexão de escolas à Internet que é um dos assuntos que ela tratará na relatoria do Projeto de Lei 142/18. Esse projeto institui a Política de Inovação Educação Conectada para apoiar a universalização do acesso à internet em alta velocidade e fomentar o uso pedagógico de tecnologias digitais na educação básica.

A senadora também conversou com o secretário Julio Semeghini sobre as possibilidades de investimentos em áreas onde tem baixo interesse econômico por parte das operadoras de telefonia e Internet. Este tema fez parte do relatório do PLC 79, de autoria da senadora. O projeto modifica a Lei Geral de Telecomunicações que, entre outras medidas, permitirá que concessionárias de telefonia fixa migrem do regime público para o privado. O projeto foi aprovado na Câmara e no Senado com previsão de ser sancionado pela presidência da República ainda nesta semana.

Foto: Rodrigo Nunes

Compartilhe:

No Banner to display


Deixe o seu comentário