No Banner to display

Depois da Paraíba e Maranhão, o ataque agora de Bolsonaro é contra governador de Pernambuco

O presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, criticou nesta sexta-feira (18) o presidente Jair Bolsonaro (PSL) por chamar o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), de “espertalhão”.

“Tratando-se do presidente Bolsonaro nada mais pode nos surpreender, age sempre como um homem desatinado. A cada dia amanhece procurando alguém para atacar. Neste caso, do ataque ao governador Paulo Câmara ele comete uma tremenda injustiça. Repudiamos mais um despropósito cometido por este senhor”, disse Siqueira ao Congresso em Foco.

Em julho deste ano, Bolsonaro já havia protagonizado uma desavença com todos os governadores do Nordeste ao usar o termo pejorativo “paraíba” para se referir a eles durante café da manhã com jornalistas da imprensa estrangeira. Os alvos de Bolsonaro eram os governadores do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), e da Paraíba, João Azevêdo (PSB).

Já nesta sexta-feira, Bolsonaro criticou Paulo Câmara no Facebook por reivindicar a autoria de um projeto que regulamenta um 13º benefício ao ano para as pessoas que recebem o Bolsa Família. Tanto o governador pernambucano quanto Bolsonaro fizeram propostas nesse sentido. Apesar de que a Paraíba foi uma das pioneiras nesse programa, com o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB).

“A desonestidade ainda persiste na política. O espertalhão da vez agora é o governador de Pernambuco, do PSB”, disse o presidente. Em resposta, Paulo Câmara escreveu no Twitter que Bolsonaro desrespeita o estado de Pernambuco.

Diário da Paraíba com Congresso em Foco

Compartilhe:

No Banner to display


Deixe o seu comentário